Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu mundo num livro

Tenho o meu primeiro romance terminado! Esta é a minha jornada enquanto autora portuguesa que gosta de partilhar pequenos momentos da vida e que sonha ver os seus livros publicados!

O meu mundo num livro

Tenho o meu primeiro romance terminado! Esta é a minha jornada enquanto autora portuguesa que gosta de partilhar pequenos momentos da vida e que sonha ver os seus livros publicados!

Como passo o meu dia

Olívia, 09.03.22

Os meus dias, neste momento, são vividos a um ritmo bastante mais calmo do que no passado, basta ter deixado de atender ao público numa pequena loja do comércio tradicional onde muitas pessoas vêm para conversar e desabafar um bocadinho. 

Todas as manhãs tento levantar-me sempre meia hora antes de toda a gente. Estes minutos ajudam-me a acordar, a preparar os lanches e almoços, a fazer alguns momentos de reflexão em silêncio. Nunca tinha vivido tanto tempo num apartamento onde todos os barulhos parecem enormes face à ideia de incomodarem alguém. Depois da habitual azáfama do levanta-veste-come-calça-tenstudo-sai passo pelas escolas onde deixo as miúdas e sigo com a mais velha para a nossa casa. É aqui que passamos os dias. 

A primeira tarefa é tirar o saco do pão que está preso ao portão e colocar uma máquina de roupa a lavar. Tratar da gata, da cadela e demais animais de estimação e ir dar serventia ao meu marido que chega sempre primeiro ao trabalho e já acendeu o lume no pequeno chalé. Dar serventia é uma tarefa difícil nos dias em que é preciso muita força e pouco medo. Subir escadotes, segurar vigas de madeira enormes é complicado para mim. Varrer chão e arrumar coisas é fácil.

Normalmente trazemos almoço já feito de véspera e aquecemos, estendo a roupa ao sol ou então no estendal perto do lume, a humidade da serra não ajuda nada a secar a roupa, mas os ventos fortes são uma benção.

Tenho alarmes no telemóvel para não deixar passar a hora de ir buscar as miúdas à escola na vila, são sete/oito minutos de carro (com o preço do gasóleo a subir vou ver se trato do transporte escolar...) e trago-as para casa onde lancham, estudam, descansam. 

Ao final do dia recolho lenha para levar para o apartamento, ensaco a roupa seca e preparo os legumes/ingredientes para o jantar.

Chegamos a casa cansados e não exijo muito das minhas filhas, apenas que uma distribua a roupa dobrada pelos quartos de cada um e que a outra tire a louça da máquina que ficou a lavar de manhã. Preparo o jantar e ao serão tento escrever um pouco, preparar posts para o Instagram, fazer os trabalhos de contabilidade e pesquisar alguma coisa que tenha pendente. 

No dia seguinte recomeçamos. Seis dias por semana.

IMG20220308143137.jpg

 

Ao domingo descanso da obra, mas limpamos o apartamento, preparamos as coisas da semana e normalmente fazemos um doce e uma comida mais elaborada.

 

 

1 comentário

Comentar post